Nekrópolis

SINOPSE

Nekropolis é uma peça que retoma o tema da ação política no contexto altamente complexo do Brasil contemporâneo. Em sua narrativa, um grupo de indivíduos se congrega numa organização autodenominada Estirpe; excluídos, vivendo à margem (como muitos brasileiros), dedicam-se a desenterrar cadáveres – e com isso, trazer à tona os crimes impunes cometidos por um Estado negligente e por uma sociedade permissiva. Na montagem, o texto dialoga com uma dramaturgia musical que confronta, enfatiza, nega, questiona, sonha, cantando como num contraponto que procura frestas entre os espaços da palavra. A peça foi o espetáculo do último ano da Formação 10 na Escola Livre de Teatro e ficou em cartaz em 2009.

Vídeo da peça

FICHA TÉCNICA

dramaturgia musical, direção musical e direção geral: Gustavo Kurlat
texto/ dramaturgia: Roberto Alvim
preparação de ator: Luís Mármora e Mariana Senne
direção de movimento: Juliana Monteiro

Elenco:
Attilio Possar, Audrey Bessa, Aysha Nascimento, Carolina Nagayoshi Nogueira, Cleide Mariano, Eduardo Paiva, Flávio Rodrigues, Jefferson Matias, Kenan Bernardes, Leandro Evangelista, Luanda Eliza, Maria Cecília Mansur, Maria Cordélia, Milton Filho, Sofia Botelho, Thaís Dias, Thaís Navas e Valéria Rocha.Direção: Gustavo Kurlat

 

VÍDEOS DE DIVULGAÇÃO DA PEÇA
AS MÚSICAS DE NEKROPOLIS

Nekropolis é um espetáculo criado a partir de pressupostos absolutamente diferentes dos musicais clássicos. A peça é composta de 14 canções que questionam, apóiam, sonham, defendem e se perguntam, criando um caminho paralelo de diálogo com o texto a partir de mais um ponto de vista que se estabelece: o do coro.
A dramaturgia musical é de Gustavo Kurlat, sendo a criação das músicas realizadas a partir do processo colaborativo com os atores e com assistente de direção musical Cristiano Gouveia.

PRÊMIOS

Em 2009 a peça recebeu quatro prêmios no 4° Fentepira (Festival Nacional de Teatro de Piracicaba): Destaque para elenco, encenação, dramaturgia e projeto sonoro.

Ao final de um fórum da ELT os prêmios foram entregues. Dois deles foram entregues ao mestre Gustavo Kurlat, pela encenação e projeto musical. O terceiro prémio referente a elenco foi entregue a todos que colaboraram com a experiência e o aprendizado do grupo dentro de ELT. A mestra e coordenadora Juliana Monteiro recebeu o prémio que ficará na escola.

Veja o registro desse fórum:

Veja fotos da peça:

Anúncios